.posts recentes

. A quem me tem acompanhado...

. A “Praça da Canção”

. “Cântico azul-marinho e v...

. Espiral mental

. Dos rios e dos homens

. Haja coragem!

. Ainda falta muito para ac...

. Má sorte

. Vincent da Rocha Dioh - 1...

. Canção de Amigo para “ami...

.arquivos

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Março 2004

Segunda-feira, 4 de Abril de 2005
Decepções inesquecíveis
Menus plaisir_Robert Savignac_prints4all com.jpg

Num dia de céu azul e sol brilhante,
no alto, um avião prendia o meu olhar
ao seu rasto, branco e esvoaçante,
que persegui, na tentativa de agarrar.
Contrariou-me um triciclo periclitante,
que aceitava ser ginete galopante,
mas que, à cautela, nunca aceitou voar.




(imagem: “Menus plaisir” - Robert Savignac - prints4all.com)

publicado por DespenteadaMental às 23:49
link do post | comentar | favorito
|
12 comentários:
De DespenteadaMental a 8 de Abril de 2005 às 22:11
Moriana, É o que vou tentando. Por vezes, nem levanto os pés do chão, mas não desisto ;)
Beijo.
De DespenteadaMental a 8 de Abril de 2005 às 22:09
OrdisiRaluz, Voar... Com este tema, sente-se nas suas sete quintas, né? ;)
Beijo.
De DespenteadaMental a 8 de Abril de 2005 às 22:08
Jorge Morais, E se fosse só para voar...
Abraço.
De moriana a 6 de Abril de 2005 às 10:58
podemos voar sempre, embora de outras formas :) é o que tu fazes com a poesia que crias:)
beijos.
De OrdisiRaluz a 6 de Abril de 2005 às 05:18
Voar é preciso. Ave!, aviões! Beijos
De Jorge Morais a 6 de Abril de 2005 às 01:24
Pois é, às vezes falta coragem para voar...
De DespenteadaMental a 5 de Abril de 2005 às 23:48
'Enquanto se fuma um charro', Pois!... Por estas e por outras é que nunca fumei um charro... ;)
Abraço.
De DespenteadaMental a 5 de Abril de 2005 às 23:45
'Pilantra', Não sei o que foi causa e o que foi efeito... E, nesta altura do campeonato, nem quero saber ;)
Abraço.
De DespenteadaMental a 5 de Abril de 2005 às 23:44
JRD, Foi isso, certamente! Era um triciclo periclitante, medroso e pouco imaginativo ;)
Abraço.
De Enquanto se fuma um charro a 5 de Abril de 2005 às 22:55
-“Quem será esta mulher?”- pensa confuso e completamente cilindrado:”Copa B; para aí 38, raramente existem enganos!”
- Dois mamilos, erectos, atingem-no no olhar. Sobressaem e desnudam-se da Lycra de cor branca que os oprime. Usa-os soltos, como nasceram ao mundo, livres com “Licença para Matar”. Como num duelo de titans, e com o frio - proveniente do sistema de ar condicionado -; como aliado, condiciona-se inevitavelmente a capacidade de raciocínio de qualquer um, é uma batalha desigual, vence a natureza.

Comentar post

.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Dezembro 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
25
26
27
28
29
30
31
.Fazer olhinhos
blogs SAPO
.subscrever feeds