.posts recentes

. A quem me tem acompanhado...

. A “Praça da Canção”

. “Cântico azul-marinho e v...

. Espiral mental

. Dos rios e dos homens

. Haja coragem!

. Ainda falta muito para ac...

. Má sorte

. Vincent da Rocha Dioh - 1...

. Canção de Amigo para “ami...

.arquivos

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Março 2004

Domingo, 4 de Julho de 2004
Nocturno
Cerrado Moonlight_foto de Ricardo Monteiro.jpg

</p>


Já a tarde esmorece e a noite se anuncia,
já, entre ambas, se estende o doce manto,
para abrigar quem se ama no átrio da magia
que antecede o amor, a sedução, o encanto.
Já os gostos comuns estão convocados,
já a cumplicidade compareceu,
já a fusão dos anseios partilhados
pôs fim ao “tu és tu e eu sou eu”.
Já os amantes encetaram um bom vinho,
já as taças repousam, lado a lado,
já as carícias procuram o caminho
de acesso ao âmago do ser amado.
Já os corpos se enleiam em beijos e abraços,
já o desejo irrompeu como uma luz,
guiando os passos e estreitando os espaços
a que o mundo dos amantes se reduz.

Já a noite se foi e o amor ficou...


(imagem: "Cerrado Moonlight" - foto de Ricardo Monteiro - Álbum da natureza)


publicado por DespenteadaMental às 10:24
link do post | comentar | favorito
|
.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Dezembro 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
25
26
27
28
29
30
31
.Fazer olhinhos
blogs SAPO
.subscrever feeds