.posts recentes

. A quem me tem acompanhado...

. A “Praça da Canção”

. “Cântico azul-marinho e v...

. Espiral mental

. Dos rios e dos homens

. Haja coragem!

. Ainda falta muito para ac...

. Má sorte

. Vincent da Rocha Dioh - 1...

. Canção de Amigo para “ami...

.arquivos

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Março 2004

Terça-feira, 22 de Março de 2005
Sabes?...
Matin_Alain Daussin_AllPosters com.jpg

Trago nas palmas das mãos
a pesada leveza
da ausência das tuas.




(imagem: “Matin” - Alain Daussin – AllPosters.com)

publicado por DespenteadaMental às 21:33
link do post | comentar | favorito
|
20 comentários:
De DespenteadaMental a 1 de Abril de 2005 às 00:36
Andorinha, Chegou no tempo certo - Primavera. Agradeço a visita e passarei pelo seu 'blog', para retribuir.
Abraço.
De Andorinha a 31 de Março de 2005 às 06:26
Olá! Vim fazer-te uma visita, gostei do teu blog, parabens! Lindo este pequeno poema, pequenino, mas grande no sentimento que nos transmite! Bjs
De DespenteadaMental a 24 de Março de 2005 às 23:07
sotavento, Há sensações que são universais.
Abraço.
De DespenteadaMental a 24 de Março de 2005 às 23:06
CotaMarada, Uma síntese equilibrada ;)
Abraço.
De sotavento a 24 de Março de 2005 às 12:10
Como uma marca indelével!... :)
De CotaMarada a 23 de Março de 2005 às 23:55
A leveza do poema contrasta com a intensidade do mesmo...
De DespenteadaMental a 23 de Março de 2005 às 23:53
Armando Ésse, Desta vez consegui o feito de dizer muito em poucas palavras. A fotografia é bonita, sim, e sinto que complementa bem a minha ideia.
Abraço.
De DespenteadaMental a 23 de Março de 2005 às 23:50
'123de4', São, diametralmente, opostas, mas podem ser, igualmente, intensas. O peso depende da que se deseja - uma ou a outra.
Abraço.
De DespenteadaMental a 23 de Março de 2005 às 23:47
Luís Sequeira, Apesar do tempo passado, a emoção é, ainda, muito grande, porque o afecto permanece inteiro.
Abraço.
De DespenteadaMental a 23 de Março de 2005 às 23:42
Patrícia, Obrigada pelo ânimo.
Abraço.

Comentar post

.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Dezembro 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
25
26
27
28
29
30
31
.Fazer olhinhos
blogs SAPO
.subscrever feeds