.posts recentes

. A quem me tem acompanhado...

. A “Praça da Canção”

. “Cântico azul-marinho e v...

. Espiral mental

. Dos rios e dos homens

. Haja coragem!

. Ainda falta muito para ac...

. Má sorte

. Vincent da Rocha Dioh - 1...

. Canção de Amigo para “ami...

.arquivos

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Março 2004

Domingo, 22 de Agosto de 2004
Se o coração falasse...
Heart of fire_Alfred Gockel .jpg</p>


"Dizem que sou músculo... Mentira!...
Dizer músculo é dizer pouco,
porque amo como um louco,
choro e brigo como um menino
e, por mais que o meu destino
seja bombear o sangue,
quero amar, até que, exangue,
faça as tréguas, peça paz...
Quem, do Amor, campo faz,
para viver livremente,
só vive e fica contente,
ultrapassando o limite,
por mais que o cérebro lhe dite
normas, cuidados, preceitos...
Eu amo, sem preconceitos,
amo p'lo bom que é amar
e, a quem de mim discordar,
peço apenas um favor:
- Não diga, seja a quem for,
que também tem coração,
porque isso é pura ilusão...
O que tem é tão somente
(vou falar-lhe, francamente...)
um músculo dentro do peito,
que, se ao menos for perfeito,
se limita a funcionar
e, em constante pulsar,
faz o que faz um motor...
Mas não diga que é Amor,
nem diga que é coração...
Eu não sou só isso, não...
Ser só isso é ser tão pouco,
e eu vivo e amo, como um louco!!!... "



(imagem: “Heart of fire” - Alfred Gockel - http://www.art.com/)

publicado por DespenteadaMental às 17:41
link do post | comentar | favorito
|
4 comentários:
De DespenteadaMental a 23 de Agosto de 2004 às 20:30
Olá, Cláudio! Já lá passara, hoje, e nada... Há umas horas, voltei e além da sua justificação para não dar continuidade ao leilão (desculpa esfarrapada, né?... rs),não havia novidade. Quando vai haver? Entretanto, aqui, que ninguém nos lê, confesse que teve medo de levar o leilão até ao fim... Confesse (rindo). Quanto à paixão, concordo com você - não pode ser o cérebro a comandar atitudes tão antagónicas. Só se os comandos estiverem alojados, cada um, em seu hemisfério. Será?... Esperemos que nunca se misturem - seria a maior confusão! Abraço e votos de uma boa semana.
De DespenteadaMental a 23 de Agosto de 2004 às 16:57
Olá, Claúdia! Já fui visitar o seu blog, já li a sua 'luta' e parabenizei-a, por tê-la vencido e retirado lições e força de ânimo. É assim mesmo!
Ah... também aproveitei para me rir com a aquela do 'CTRL'. Vale que sou teimosa e, assim, como queria mesmo comentar, desactivei e, após o comentário, reactivei. Vamos ver se me lembro disto, na próxima vez. Beijo e até...
De Claudio a 23 de Agosto de 2004 às 15:07
Despenteada, já pensou no fato do coração ser uma bomba e que explodimos por dentro quando estamos apaixonados? Acho tudo ligado ao coração muito engraçado. Na realidade até penso que me apaixono pelo estômago, como diziam as antigas. A primeira coisa que sinto é um frio na barriga. Ou quem sabe me apaixono pelas pernas, que é o que fica bambo. Há quem defenda que isso realmente está ligado ao cérebro, mas duvido. O orgão que me orienta na escolha entre o "certo" e o "errado" não pode ser o mesmo que me torna o ser mais idiota do planeta. Abraços. Ah! sobre o leilão... é uma obra falsa.
De Claudinha a 23 de Agosto de 2004 às 15:00
Olá,
Vi seu endereço no blog do Théo e resolvi conferir.
Gostei muito do visual e das palavras, pensamentos transformados em emoções, que nos fazem sonhar pelo visual e pela emoção. Estou em dias de recordações não muito boas, mas recordações que me fazem lembrar que venci!!!
Normalmente sou alegre e brincalhona. Voltarei mais vezes para te espionar... Rs Fique em paz!

Comentar post

.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Dezembro 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
25
26
27
28
29
30
31
.Fazer olhinhos
blogs SAPO
.subscrever feeds